Ficção vs Realidade

Ficção vs Realidade

Uma das perguntas que oiço mais frequentemente, de pessoas que me são próximas, é se o que escrevo se baseia em eventos da minha vida real. É uma pergunta com rasteira se pensarmos na essência do que é a vida real… Ainda que as histórias que escrevo sejam influenciadas por coisas que aconteceram comigo ou com pessoas que conheço, ou até mesmo por acontecimentos que ouvi alguém contar, essas histórias são apenas ficção influenciada por factos verídicos, muitas vezes bastante adulterados. Esses textos podem até ter algumas verdades da minha realidade quotidiana, ainda que não sejam diretamente sobre mim, e são normalmente sobre coisas que gosto ou que me preocupam… mas nunca um reflexo direto do que aconteceu comigo! Eu não quero que as minhas histórias (à exceção dos blog posts correntes) sejam uma espécie de diário pessoal, repleto de confissões de dores e conquistas.

Para quem não sabe, não sou grande fã de histórias ou filmes que envolvam ficção científica ou mundos mágicos/paralelos porque gosto de ler ou ver uma história e saber que ela poderia acontecer a qualquer um de nós, num dia qualquer, no presente. De qualquer forma, gosto bastante de contar histórias sem vos contar nomes ou lugares, para que possam imaginá-las a acontecer num sítio e momento quaisquer, e assim poderem focar-se nos sentimentos e emoções que essa história cria em vez do contexto e espaço físico. Mas, não se preocupem, que farei o meu melhor para vos trazer histórias que vos agarrem à página, algumas vezes cheias de nomes e lugares também.

No entanto, este website não serve apenas para partilhar histórias de ficção, guiões ou qualquer outro formato de escrita criativa, mas também como blog pessoal. Assim sendo, irei partilhar alguns posts com informações importantes sobre como navegar por este website, com a minha aventura (quem sabe, sobre largar o meu trabalho full-time para me dedicar a alguns projetos pessoais e criativos e sobre a nossa mudança de Lisboa para Toronto, no Canadá), ou ainda coisas interessantes que queira partilhar convosco e ache que possam gostar. Para não ficarem confusos com os vários posts, conseguirão saber se são ficção ou realidade através de diferentes formas:

Cada post tem uma categoria associada (ou várias): conseguem ver a categoria no final de cada post, à esquerda, e podem também filtrar as publicações por categoria, usando o menú superior ou lateral. Neste momento, dado não existe um volume demasiado grande de textos, existem apenas duas categorias (Blog ou Ficção), mas poderão existir sub-categorias na Ficção no futuro.

Cada post tem um conjunto de tags associadas que ajudam a categorizar cada texto com mais detalhe: tipo de texto, série/colectânea de textos (e.g. episódios ou capítulos de uma história ou textos independentes mas sobre um mesmo tema) ou temas. É possível encontrar as tags mais comuns na secção inferior do website ou ver as tags do texto, no final do post, do lado direito.

Os títulos dos posts de ficção seguem uma formatação: o título começará sempre por “#Nome da Série” or “#Nome da colectânea”. Se não existir nada começado com # (hashtag), então é porque se trata de um blog post normal, real, sem ficção.

Até breve,

Andreia

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *